Homogeneizadores ultra-sônicos para desaglomeração de nanomateriais

No cenário atual da ciência dos materiais em rápida evolução, os sonicators Hielscher se destacam por fornecer precisão incomparável para a desaglomeração de nanomateriais em copos de laboratório e em escala de produção. Os homogeneizadores ultrassônicos Hielscher capacitam pesquisadores e engenheiros a ultrapassar os limites do que é possível em aplicações nanotecnológicas.

Desaglomeração de nanomateriais: desafios e soluções hielscher

Formulações de nanomateriais em escala laboratorial ou industrial frequentemente encontram o problema da aglomeração. Os sonicators Hielscher resolvem isso por meio de cavitação ultrassônica de alta intensidade, garantindo a desaglomeração e dispersão de partículas eficazes. Por exemplo, na formulação de materiais enriquecidos com nanotubos de carbono, os sonicadores Hielscher têm sido fundamentais para quebrar feixes emaranhados, melhorando assim suas propriedades elétricas e mecânicas.

A desaglomeração de nanomateriais ultra-sônicos produz distribuições uniformes e estreitas de tamanho de partículas.

Guia Passo a Passo para Dispersão e Desaglomeração Eficiente de Nanomateriais

  1. Selecione seu Sonicator: Com base em seus requisitos de volume e viscosidade, escolha um modelo de sonicator Hielscher adequado para sua aplicação. Teremos prazer em atendê-lo. Entre em contato conosco com suas necessidades!
  2. Prepare a amostra: Misture seu nanomaterial em um solvente ou líquido adequado.
  3. Definir parâmetros de sonicação: Ajuste as configurações de amplitude e pulso com base na sensibilidade do seu material e nos resultados desejados. Peço recomendações e protocolos de desaglomeração!
  4. Acompanhe o processo: Use a amostragem periódica para avaliar a eficácia da desaglomeração e ajustar os parâmetros conforme necessário.
  5. Manuseio pós-sonicação: Garantir dispersão estabilizada com surfactantes apropriados ou pelo uso imediato em aplicações.
A sonicação está bem estabelecida na desaglomeração e funcionalização de nanopartículas termocondutoras, bem como na produção de nanofluidos estáveis de alto desempenho para aplicações de resfriamento.

Desaglomeração ultra-sônica de nanotubos de carbono (CNT) em polietilenoglicol (PEG)

Miniatura do vídeo

Pedido de informação





Perguntas frequentes sobre aglomeração de nanomateriais (FAQs)

  • Por que as nanopartículas se aglomeram?

    As nanopartículas tendem a se aglomerar devido à sua alta relação superfície-volume, o que leva a um aumento significativo na energia de superfície. Essa alta energia de superfície resulta em uma tendência inerente para as partículas reduzirem sua área de superfície exposta ao meio circundante, levando-as a se unirem e formarem aglomerados. Este fenômeno é impulsionado principalmente por forças de van der Waals, interações eletrostáticas e, em alguns casos, forças magnéticas se as partículas tiverem propriedades magnéticas. A aglomeração pode ser prejudicial às propriedades únicas das nanopartículas, como sua reatividade, propriedades mecânicas e características ópticas.

  • O que impede que as nanopartículas grudem?

    Impedir que as nanopartículas grudem envolve superar as forças intrínsecas que impulsionam a aglomeração. Isso é tipicamente alcançado através de estratégias de modificação de superfície que introduzem estabilização estérica ou eletrostática. A estabilização estérica envolve a fixação de polímeros ou surfactantes à superfície das nanopartículas, criando uma barreira física que impede a aproximação e a agregação. A estabilização eletrostática, por outro lado, é obtida pelo revestimento de nanopartículas com moléculas carregadas ou íons que conferem a mesma carga a todas as partículas, resultando em repulsão mútua. Esses métodos podem efetivamente neutralizar van der Waals e outras forças atrativas, mantendo as nanopartículas em um estado disperso estável. Ultrasonication auxilia durante a estabilização estérica ou eletrostática.

  • Como evitar aglomeração de nanopartículas?

    A prevenção da aglomeração de nanopartículas requer uma abordagem multifacetada, incorporando boas técnicas de dispersão, como sonicação, escolha apropriada do meio de dispersão e uso de agentes estabilizantes. A mistura ultra-sônica de alto cisalhamento é mais eficiente para dispersar nanopartículas e quebrar aglomerados do que moinhos de bolas à moda antiga. A seleção de um meio de dispersão adequado é fundamental, pois este deve ser compatível tanto com as nanopartículas quanto com os agentes estabilizantes utilizados. Surfactantes, polímeros ou revestimentos protetores podem ser aplicados às nanopartículas para proporcionar repulsão estérica ou eletrostática, estabilizando a dispersão e evitando aglomerações.

  • Como podemos desaglomerar nanomateriais?

    A redução da aglomeração de nanomateriais pode ser alcançada através da aplicação de energia ultrassônica (sonicação), que gera bolhas de cavitação no meio líquido. O colapso dessas bolhas produz intenso calor local, alta pressão e fortes forças de cisalhamento que podem quebrar aglomerados de nanopartículas. A eficácia da sonicação em nanopartículas desaglomerantes é influenciada por fatores como poder de sonicação, duração e propriedades físicas e químicas das nanopartículas e do meio.

  • Qual a diferença entre aglomerado e agregado?

    A distinção entre aglomerados e agregados reside na força das ligações de partículas e na natureza de sua formação. Aglomerados são aglomerados de partículas mantidas juntas por forças relativamente fracas, como forças de van der Waals ou ligação de hidrogênio, e muitas vezes podem ser redispersadas em partículas individuais usando forças mecânicas como agitação, agitação ou sonicação. Os agregados, no entanto, são compostos por partículas que são unidas por forças fortes, como ligações covalentes, resultando em uma união permanente que é muito mais difícil de quebrar. Os sonicadores Hielscher fornecem o cisalhamento intenso que pode quebrar agregados de partículas.

  • Qual a diferença entre coalescência e aglomerado?

    A coalescência e a aglomeração referem-se à junção de partículas, mas envolvem processos diferentes. A coalescência é um processo onde duas ou mais gotículas ou partículas se fundem para formar uma única entidade, muitas vezes envolvendo a fusão de suas superfícies e conteúdo interno, levando a uma união permanente. Esse processo é comum em emulsões onde gotículas se fundem para diminuir a energia total da superfície do sistema. A aglomeração, em contraste, normalmente envolve partículas sólidas que se juntam para formar aglomerados através de forças mais fracas, como forças de van der Waals ou interações eletrostáticas, sem fundir suas estruturas internas. Ao contrário da coalescência, as partículas aglomeradas muitas vezes podem ser separadas de volta em componentes individuais sob as condições certas.

  • Como quebrar aglomerados de nanomateriais?

    A quebra de aglomerados envolve a aplicação de forças mecânicas para superar as forças que mantêm as partículas unidas. As técnicas incluem mistura de alto cisalhamento, fresagem e ultrassom. A ultrassonografia é a tecnologia mais eficaz para a desaglomeração de nanopartículas, pois a cavitação que produz gera intensas forças de cisalhamento locais que podem separar partículas ligadas por forças fracas.

  • O que a sonicação faz com as nanopartículas?

    A sonicação aplica ondas ultra-sônicas de alta frequência a uma amostra, causando vibrações rápidas e a formação de bolhas de cavitação no meio líquido. A implosão dessas bolhas gera intenso calor local, altas pressões e forças de cisalhamento. Para nanopartículas, os sonicadores Hielscher efetivamente dispersam partículas quebrando aglomerados e impedindo a reaglomeração através de entrada de energia que supera forças atrativas de interpartículas. Este processo é essencial para alcançar distribuições uniformes de tamanho de partículas e melhorar as propriedades do material para várias aplicações.

  • Quais são os métodos de dispersão de nanopartículas?

    Os métodos de desaglomeração e dispersão de nanopartículas podem ser categorizados em processos mecânicos, químicos e físicos. Ultrasonication é um método mecânico muito eficaz, que separa fisicamente as partículas. Os sonicadores Hielscher são favorecidos por sua eficiência, escalabilidade, capacidade de alcançar dispersões finas e sua aplicabilidade em uma ampla gama de materiais e solventes em qualquer escala. Mais importante, os sonicators Hielscher permitem que você escale seu processo linearmente sem compromissos. Os métodos químicos, por outro lado, envolvem o uso de surfactantes, polímeros ou outros produtos químicos que adsorvem às superfícies das partículas, proporcionando repulsão estérica ou eletrostática. Os métodos físicos podem envolver a alteração das propriedades do meio, como pH ou força iônica, para melhorar a estabilidade da dispersão. Ultrasonication pode auxiliar a dispersão química de nanomateriais.

  • Qual é o método de sonicação para síntese de nanopartículas?

    O método de sonicação para síntese de nanopartículas envolve o uso de energia ultra-sônica para facilitar ou melhorar reações químicas que levam à formação de nanopartículas. Isso pode ocorrer através do processo de cavitação, que gera pontos quentes localizados de temperatura e pressão extremas, promovendo cinética de reação e influenciando a nucleação e o crescimento das nanopartículas. A sonicação pode ajudar a controlar o tamanho, a forma e a distribuição das partículas, tornando-se uma ferramenta versátil na síntese de nanopartículas com propriedades desejadas.

  • Quais são os dois tipos de métodos de sonicação?

    Os dois principais tipos de métodos de sonicação são a sonicação de sonda em lote e a sonicação de sonda em linha. A sonicação da sonda em batelada envolve a colocação de uma sonda ultrassônica em uma lama de nanomaterial. A sonicação de sonda em linha, por outro lado, envolve o bombeamento de uma lama de nanomaterial através de um reator ultrassônico, no qual uma sonda de sonicação fornece energia ultrassônica intensa e localizada. Este último método é mais eficaz para processar maiores volumes em produção e é amplamente utilizado na dispersão e desaglomeração de nanopartículas em escala de produção.

  • Quanto tempo leva para sonicar nanopartículas?

    O tempo de sonicação das nanopartículas varia amplamente dependendo do material, do estado inicial de aglomeração, da concentração da amostra e das propriedades finais desejadas. Normalmente, os tempos de sonicação podem variar de alguns segundos a várias horas. Otimizar o tempo de sonicação é crucial, pois a sub-sonicação pode deixar aglomerados intactos, enquanto a sonicação excessiva pode levar à fragmentação de partículas ou reações químicas indesejadas. Testes empíricos em condições controladas são frequentemente necessários para determinar a duração ideal de sonicação para uma aplicação específica.

  • Como o tempo de sonicação afeta o tamanho das partículas?

    O tempo de sonicação influencia diretamente o tamanho e a distribuição das partículas. Inicialmente, o aumento da sonicação leva a uma redução no tamanho das partículas devido à quebra dos aglomerados. No entanto, além de um certo ponto, a sonicação prolongada pode não reduzir significativamente o tamanho das partículas e pode até induzir mudanças estruturais nas partículas. Encontrar o tempo de sonicação ideal é essencial para alcançar a distribuição de tamanho de partícula desejada sem comprometer a integridade do material.

  • A sonicação quebra moléculas?

    A sonicação pode quebrar moléculas, mas esse efeito é altamente dependente da estrutura da molécula e das condições de sonicação. A sonicação de alta intensidade pode causar quebra de ligação em moléculas, levando à fragmentação ou decomposição química. Este efeito é utilizado em sonoquímica para promover reações químicas através da formação de radicais livres. No entanto, para a maioria das aplicações envolvendo dispersão de nanopartículas, os parâmetros de sonicação são otimizados para evitar a quebra molecular enquanto ainda alcançam desaglomeração e dispersão efetivas.

  • Como separar nanopartículas de soluções?

    A separação de nanopartículas de soluções pode ser obtida através de vários métodos, incluindo centrifugação, filtração e precipitação. A centrifugação usa força centrífuga para separar partículas com base no tamanho e densidade, enquanto a ultrafiltração envolve a passagem da solução através de uma membrana com tamanhos de poros que retêm nanopartículas. A precipitação pode ser induzida pela alteração das propriedades do solvente, como pH ou força iônica, fazendo com que as nanopartículas se aglomerem e se depositem. A escolha do método de separação depende das nanopartículas’ propriedades físicas e químicas, bem como os requisitos do processamento ou análise subsequente.

Hielscher UP400St sonicator desaglomera nanomateriais

Sonicador Hielscher UP400St para desaglomeração de nanomateriais

Pesquisa em Materiais com Hielscher Ultrasonics

Os sonicadores do tipo sonda Hielscher são uma ferramenta essencial na pesquisa e aplicação de nanomateriais. Ao enfrentar de frente os desafios da desaglomeração de nanomateriais e oferecer soluções práticas e acionáveis, nosso objetivo é ser o seu recurso preferido para a exploração da ciência dos materiais de ponta.

Entre em contato hoje mesmo para explorar como nossa tecnologia de sonicação pode revolucionar suas aplicações de nanomateriais.

Solicite mais informações

Por favor, use o formulário abaixo para solicitar informações adicionais sobre processadores ultrassônicos, aplicativos e preço. Ficaremos felizes em discutir seu processo com você e oferecer-lhe um sistema ultrassônico atendendo aos seus requisitos!









Por favor, note que o nosso Política de Privacidade.




Nanomateriais comuns que requerem desaglomeração

Na pesquisa em materiais, a desaglomeração de nanomateriais é fundamental para otimizar as propriedades dos nanomateriais para diversas aplicações. A desaglomeração ultra-sônica e a dispersão desses nanomateriais são fundamentais para os avanços nos campos científico e industrial, garantindo seu desempenho em diversas aplicações.

  1. nanotubos de carbono (CNTs): Usado em nanocompósitos, eletrônicos e dispositivos de armazenamento de energia por suas excepcionais propriedades mecânicas, elétricas e térmicas.
  2. Nanopartículas de Óxidos Metálicos: Inclui dióxido de titânio, óxido de zinco e óxido de ferro, cruciais em catálise, energia fotovoltaica e como agentes antimicrobianos.
  3. Grafeno e Óxido de Grafeno: Para tintas condutoras, eletrônica flexível e materiais compósitos, onde a desaglomeração garante a exploração de suas propriedades.
  4. Nanopartículas de Prata (AgNPs): Empregado em revestimentos, têxteis e dispositivos médicos por suas propriedades antimicrobianas, exigindo dispersão uniforme.
  5. Nanopartículas de Ouro (AuNPs): Usado na liberação de fármacos, catálise e biosensoriamento devido às suas propriedades ópticas únicas.
  6. nanopartículas de sílica: Aditivos em cosméticos, produtos alimentícios e polímeros para melhorar a durabilidade e funcionalidade.
  7. Nanopartículas Cerâmicas: Usado em revestimentos, eletrônicos e dispositivos biomédicos para propriedades aprimoradas como dureza e condutividade.
  8. nanopartículas poliméricas: Projetado para sistemas de liberação de fármacos, necessitando de desaglomeração para taxas consistentes de liberação de fármacos.
  9. Nanopartículas Magnéticas: Tais como nanopartículas de óxido de ferro usadas em agentes de contraste de RM e tratamento de câncer, exigindo desaglomeração eficaz para propriedades magnéticas desejadas.

 

Neste vídeo demonstramos a notável eficiência do sonicator UP200Ht dispersando pó de carbono em água. Observe a rapidez com que a ultrassonografia supera as forças de atração entre as partículas e mistura o pó carbonáceo difícil de misturar à água. Devido ao seu excepcional poder de mistura, a sonicação é comumente usada para produzir nanodispersões uniformes de negro de fumo, C65, fulerenos C60 e nanotubos de carbono (CNTs) na indústria, ciência dos materiais e nanotecnologia.

Dispersão ultra-sônica de materiais de carbono com a sonda ultra-sônica UP200Ht

Miniatura do vídeo

 

Ficaremos felizes em discutir seu processo.

Vamos entrar em contato.